BRAZILIANMUSIC.COM

herois
artes | música | cultura | literatura
contato | aabc principal | brazilianmusic.com
 

Pelo menos um dos mais importantes líderes abolicionistas conheceu a experiência da escravidão ilegal. Seu nome, Luís Gama, um homem com um background bizarro. Seu pai, era membro de uma família rica de Portuguêses da Bahia, apreciador de cavalos, caça e pesca. Sua mãe, uma escrava rebelde livre da Costa de Mina, a bela Luiza Mahen, vendedora de legumes, foi acusada de envolvimento em uma trama revolucionária na Bahia, e exilada supostamente para o Rio, embora talvez seu verdadeiro destino tenha sido o Oeste Africano.

Gama nasceu livre em 1830, mas tres anos após o desaparecimento de sua mãe, seu pai o vendeu como escravo como resultado de súbito empobrecimento. Embarcado para o Rio, e depois para Santos, subiu a Serra do Mar descalço e faminto, acompanhado de centenas de outros como ele. Foi empregado como servente em São Paulo onde aprendeu a ler com a ajuda de um estudante; mas logo desapareceu da casa de seu "dono", consciente da ilegalidade de sua escravidão, pois era filho de uma mulher livre.

Em nós, até a cor é um defeito.
Um imperdoável mal de nascença,
o estigma de um crime.

Mas nossos críticos se esquecem
que essa cor, é a origem da riqueza
de milhares de ladrões que nos
insultam; que essa cor convencional
da escravidão tão semelhante
à da terra, abriga sob sua superfície
escura, vulcões, onde arde
o fogo sagrado da liberdade.

(Luiz Gama)

 
Gama passou seis anos na milícia, mas em 1854 estava novamente em São Paulo, onde trabalhou de secretário e cedo fez carreira de jornalista, poeta, advogado e foi um dos primeiros abolicionistas juntamente com os estudantes dinâmicos da Faculdade de Direito, Ruy Barbosa, Castro Alves e Joaquim Nabuco.Como advogado, a especialidade de Gama era a libertação de pessoas que como ele um dia, estavam escravizados ilegalmente, particularmente Africanos mantidos como escravos em violação à lei de 7 de novembro de 1831. Em 1880, o ex escravo tinha se transformado em um lider incontestável do movimento anti escravagista de São Paulo, tendo participado da liberação de mais de 1000 pessoas, e ainda lutando nas cortes provincianas para estabelecer o princípio de que todos os Africanos com menos de 62 anos eram livres por lei.
 Luiz Gama: de Escravo a Libertador JULIO EMILIO BRAZ
 
Primeiras Trovas Burlescas
e Outros Poemas
LUIZ GAMA

 Seus comentários serão altamente apreciados.

  

   
Busca na Amazon:
 
Procurando por livros, CDs ou Videos brasileiros?
Você encontra em:

 

 Hospedado por

herois

artes | música | cultura | literatura
contato | aabc principal | brazilianmusic.com
 


Copyright © 1996-2003 by
Brazilianmusic.com
All rights reserved.